Com Indicações, vereador Bertoldo reivindica melhorias para comunidade Santa Fé

por Clely Ferreira publicado 04/11/2019 18h45, última modificação 04/11/2019 18h45
Colaboradores: Clely Ferreira
Texto: Assessoria Parlamentar / Foto: Simone Brandão
O parlamentar também solicitou a Moção de Aplauso n° 54/2019 ao senhor Ocivaldo Silva dos Santos, carinhosamente conhecido como Codó, pelos serviços prestados em prol ao esporte parintinense.

O vereador Bertoldo Pontes (PSL/AM) em seu discurso na manhã de segunda-feira (04/11) comentou sobre suas viagens às comunidades Bom Socorro, Boa Esperança e Santa Fé – Região do Zé Açu. O objetivo da visita foi atender ao chamado dos comunitários da região.

“Viajei pela manhã do dia 31. Chegando na Comunidade Bom Socorro, fomos levados de ônibus pelos coordenadores da Comunidade de Santa Fé, senhores Isaías Ribeiro e José Raimundo, para conhecer a atual situação da estrada de 17 quilômetros por onde passa o transporte escolar e o escoamento da produção rural, bem como o deslocamento dos comunitários. Comprovei que a atual situação, além de comprometer o desenvolvimento da região pelas péssimas condições que se encontra a estrada, com lama, buracos, trechos que mais parecem rios do que uma estrada, coloca em risco a vida de todos que ali trafegam, principalmente alunos, crianças e idosos”, expôs.

“Umas das preocupações levantadas é que o verão amazônico está chegando ao fim, o que torna impossível a recuperação da estrada no inverno. Conversando com alunos e comunitários, os mesmo relataram que há alunos que gastam até quatro horas por dia para ir para à escola e voltar para suas casas, pois além da demora do ônibus devido as péssimas condições da estrada, eles têm que caminhar até dois quilômetros por ramais, que dão acesso a suas residências, como é o caso do Ramal do Curuá, onde oito alunos todos os dias letivos precisam acordar de madrugada e caminhar dois quilômetros para chegar na estrada e pegar o ônibus para encarar mais uma hora  dia viagem, sendo  uma grande aventura que tem a marca de uma tragédia eminente, caso providências emergenciais não sejam  tomadas”, completou.

Os coordenadores mostraram que não há lâmpadas nos 12 postes que existem na comunidade. Com isso, o local está, literalmente, às escuras. Bertoldo aproveitou para visitar o engenho de cana de açúcar, que se encontra inoperante pela falta de incentivo dos órgãos competentes, bem como o péssimo estado da estrada que não apresenta condições para a escoar a produção.

Na oportunidade, Bertoldo declarou que fez uma visita à escola da Comunidade de Santa Fé, onde comprovou a falta de condições necessárias para o bom desempenho do professor assim como o rendimento escolar dos alunos. Na sala não têm lâmpadas, ar-condicionado; na escola, não tem internet, computadores e refeitório.

Com a Indicação n° 114/2019, requereu à Prefeitura Municipal de Parintins, através da Secretaria Municipal de Educação (Semed) a troca de lâmpadas da Escola Santa Fé e que sejam feitas as instalações de condicionados de ar que foram prometidos para a Escola. Com a Indicação de n° 115/2019 cobrou da Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp) que possa ajeitar o quadro de iluminação pública da comunidade de Santa Fé, na região do Zé Açu.

O parlamentar ainda solicitou a Moção de Aplauso n° 54/2019 ao senhor Ocivaldo Silva dos Santos, carinhosamente conhecido como Codó, pelos serviços prestados em prol ao esporte parintinense.